3 Estágios das Principais Causas da Calvicie Em Homens

São três processos distintos: O infeccioso, o glandular e o proteico.

3 Estágios das Principais Causas da Calvicie Em Homens

Primeiro estágio – Processo infeccioso: Se instala por maneira incorreta de higienizar, produtos inadequados, acúmulo de impurezas, causando caspa e seborreia, que se tornam focos de bactérias e fungos, provocando dermatite, foliculite e micose.

Segundo estágio – Processo glandular: As glândulas sebáceas que produzem e expelem as gorduras e impurezas do organismo passam a trabalhar desordenadamente, quando a transpiração acontece, em vez das mesmas serem expelidas, se misturam com a infecção, passando a ocupar o conduto de oxigenação e passagem do fio, funil folicular. Por isso que o fio vai afinando, forçando a raiz produzir cada vez menos.

Terceiro estágio – Processo proteico: A queratina que é a proteína principal para formação do fio de cabelo e que tem produção contínua deixa de ser aproveitada pela raiz, pela não ter condição de produção, pois a passagem encontra-se obstruída.

A queratina, ainda em estado mole ( ela só endurece após maturação ou seja, formação do fio), é expelida para superfície, isto é couro cabeludo e o acúmulo da mesma, juntamente com todas as outras impurezas forma-se uma película brilhante como se o poro capilar jamais tivesse existido. É a obstrução total, onde todos conhecem como calvície.

Porém, pelo fato do organismo produzir a proteína queratina em grande quantidade, e apesar de haver um enorme desperdício da mesma o organismo quando possível transfere quantidade desta substância para outras regiões, a fim da mesma ser utilizada, assim ocorre o fato de pessoas calvas com quantidades gigantescas de pelos no corpo, nariz, ouvidos, etc.

3 Estágios das Principais Causas da Calvicie Em Homens

Meios para Combater e EVITAR A QUEDA DE CABELOS

É necessário prevenir e tomar certos cuidados para melhorar saúde e beleza dos seus cabelos e da pele, podemos citar vários produtos que ajudam na estética visual e neutraliza ação e incidência de fatores prejudicais ao couro cabeludo e pele.

Atuação de fórmulas de pó ativador

O pó ativador para uso tópico utilizado no tratamento e/ou prevenção de entupimento (obstrução) do bulbo capilar e funil folicular e processo de obtenção do composto, o qual são desenvolvidos para ser utilizado como elemento exclusivo em fórmula como Shampoo concentrado, a junção de ambos permite uma ação de maior grau para estágios mais avançados, ou seja, estágios de calvície total, servindo como opcional para acelerar processos de estágio menor, não havendo nenhuma contraindicação em qualquer que seja o caso de perda dos fios ou mesmo de calvície.

Além da limpeza que a junção de ambos também é necessário ativar as glândulas sudoríparas que passam a trabalhar com maior rapidez, ou seja, a transpiração se torna maior na região tratada, ocasionando a limpeza do funil folicular, a desobstrução é promovida pela própria transpiração, onde a película queratinizada, camada de proteína também é rompida, o reaparecimento dos poros se torna evidente, a área folicular aumenta devido a remoção das obstruções, a raiz volta a oxigenar e promover suas atividades naturais, ou seja, a maturação da proteína queratina, formação do fio de cabelo.

A ação do DHT sob a visão da medicina alopata

Para entender tal ação, segue uma explicação sobre como a testosterona causa a perda capilar.
Por muitos anos, a comunidade cientifica e o resto de mundo tinha a impressão que a alopecia adro genética ( calvície familial masculina) era causada pela predominância do hormônio sexual masculino, a testosterona.

Enquanto a testosterona de fato cumpre um papel no processo da calvície e a acumulo de estudos cientifico através das décadas revelou que a diidrostestosterona (DHT), um derivado da testosterona, é de fato o principal culpado.
A testosterona se transforma em DHT com ajuda da enzima 5-alfa-redutase Tipo II, que é retida nas glândulas sebáceas de um folículo capilar.

É isso.

Espero que tenha ajudado.

Até a próxima! 😉

Cerveja É Bom Para Os Cabelos? Veja Essa Revelação Inédita

A marca de cosméticos Truth In Aging afirma que cerveja é bom para os cabelos, pois seus ingredientes naturais da cerveja ajudam a nutrir os cabelos. As proteínas encontradas no malte e no lúpulo ajudam a restaurar os cabelos danificados, sendo ótimo para quem expõe o cabelo á tratamentos agressivos, enquanto que a maltose e a sacarose ajudam a dar brilho nas madeixas. Além é claro, das vitaminas do complexo B.

Outro detalhe que é bastante importante também é que, o efeito da cerveja no nosso cabelo engrossa os fios, devido às proteínas que acumulam sobre eles, sendo ideal para quem possui o cabelo fino demais.

CERVEJA COMO SOLUÇÃO PARA OS CABELOS

A cerveja resolve dois problemas em nosso cabelo: o volume e o brilho. Sendo uma boa alternativa entre os tônicos capilares.

Use as cervejas tradicionais e feitas com flores de lúpulo. Normalmente as cervejas comerciais possuem componentes químicos que não devem ser utilizadas no corpo, portanto, devem ser evitadas.

Várias marcas já estão vendendo produtos que tem cerveja como princípio ativo. A Redken lançou o Clean Brew Extra Cleansing Shampoo para homens que tem na fórmula raspas de laranja, malte e levedura de cerveja.

Para quem prefere cervejas mais fortes vai gostar dos produtos da Lush’s Cynthia Sylvia Stout, que usa na fórmula uma cerveja stout artesanal irlandesa prometendo brilho aos fios. Tem ainda a Duffy’s Brew Beer Shampoo da Uncrate, que já ganha nossa atenção pela embalagem.

Mas você também pode fazer umas receitinhas com a cerveja que vai deixar seus cabelos lindos.

INGREDIENTES

Materiais Necessários:

• 500 ml cerveja
• 1 xícara de chá de camomila que tenha sido fervido e esfriado

1. Lave seu cabelo normalmente com shampoo. Pegue a cerveja e faça o chá de camomila, deixando-os prontos para o uso. Enxágue sempre com água fria, pois isso fecha os fios e deixa seu cabelo com mais brilho. Isso também ajuda na prevenção às pontas duplas e aos cabelos quebradiços.

2. Derrame vagarosamente a cerveja pelo seu cabelo.

3. Enxágue com água fria (não gelada) ou morna. Certifique-se de retirar toda a cerveja do seu cabelo.

4. Pegue o chá de camomila e derrame vagarosamente pelo seu cabelo. Isso irá tirar qualquer vestígio de odor da cerveja que ainda possa restar e ainda irá condicionar e dar brilho ao seu cabelo. Deixe agir por alguns minutos.

5. Enxágue com água fria para retirar o chá. Seque normalmente. Você deverá notar uma diferença mais aparente na maciez do seu cabelo.

Dicas:
• É importante que você não utilize água muito quente para retirar a cerveja e o chá de camomila do seu cabelo. Se a água estiver muito quente, você não terá nenhum benefício com esta receita.
• A camomila também pode dar mais brilho aos cabelos escuros.
• O uso contínuo do chá de camomila irá alterar a cor do seu cabelo. Ela o deixará mais claro, trazendo realces ou uma aparência suavemente loira.

Avisos:
• Tenha cuidado ao seguir esses passos se você já pintou, alisou ou fez permanente no cabelo. Talvez seja bom testar antes em uma pequena mecha. De qualquer forma, o chá de camomila deve fazer bem aos cabelos loiros tingidos.
• Se você tem alergia a camomila ou cerveja, evite os ingredientes. A receita ainda pode funcionar utilizando apenas um dos ingredientes, se for necessário.

Neste vídeo tem mais dicas de como ter um cabelo mais saudável através de cápsulas:

Lembrando: Nosso site não se responsabiliza pelas receitas caseiras citadas aqui. Estamos apenas divulgando um material que está disponível na internet.

Os Maiores Mitos e Verdades Sobre a Calvicie

A queda de cabelo é uma das coisas que mais incomodam as pessoas nos dias de hoje. Com isso, surgem muitos métodos e mitos relativos ao assunto. Vai expor aqui os mais conhecidos.

Os Maiores Mitos e Verdades Sobre a Calvicie

Mito – Filho de pai calvo será careca. 

Com a tricologia já é possível, por meio de um diagnóstico precoce e preciso, determinar o tratamento adequado para evitar a calvície.

Verdade – Caspa e seborreia aumentam no inverno.

Existem vários fatores que propiciam o aumento da caspa e da seborreia durante o inverno.

A menor exposição do couro cabeludo à luz solar favorece sua descamação. Banhos mais quentes e a alimentação com maior quantidade de açúcar e gorduras favorecem o aumento da oleosidade.

Mito – Cortar os cabelos mensalmente acelera o crescimento.

O corte serve apenas para retirar as pontas danificadas, como as pontas partidas, mas não acelera o crescimento. Independentemente do corte, os cabelos crescem cerca de 1cm por mês.

Verdade – Lenços e bonés aumentam a oleosidade e podem causar calvície

Quando o couro cabeludo é abafado, ele produz mais óleo. Quem já tem o problema deve evitar o uso desses acessórios.

Mito – Tingir os cabelos provoca queda

Com a tecnologia os produtos de coloração alcançou níveis seguros e os coloristas estão sempre estudando para apresentar um processo mais seguro para evitar a queda.

Verdade – Secador e chapinha prejudicam os cabelos

Secador muito quente pode aumentar a incidência de seborréia. A chapinha deve ser feita com os cabelos secos, para não haver choque de temperaturas e causar a ruptura dos fios. No caso da chapinha, o perigo é maior ainda, pois, ela pode chegar a temperaturas em torno de 230ºC.

Mito – Cortar as pontinhas com freqüência dá força ao cabelo

Dependendo do corte, pode até afetar a raiz. Cortar as pontas duplas e as partes danificadas, da um efeito de cabelo saudável. Só isso. O fio cresce cerca de um centímetro por mês, aparando as pontas ou não.

Verdade – Cabelos descoloridos ficam mais frágeis

No processo de descoloração, ocorre a quebra da cutícula do cabelo, o que os tornam mais frágeis. Além disso, ficam mais desidratados. Faça uma hidratação após a descoloração e tinturas, para devolver as camadas protetoras. Evite mexer em fios danificados por processos químicos. Uma descoloração pode deixá-los ainda mais fracos

Mito – Cabelos brancos são mais fortes. Arrancar os fios é bom para se livrar deles.

A textura dos cabelos brancos é igual à textura dos cabelos de cor natural. Arrancar os fios so faz ficar mais careca.

Verdade – O uso de condicionador no couro cabeludo é prejudicial

Tudo que é bom para o couro cabeludo é bom para os fios, porém nem tudo que é bom para os fios deve ser usado no couro cabeludo. Cremes de pentear e xampus 2 em 1 também não devem ser usados no couro cabeludo.

Mito – É bom usar ampolas de vitaminas no xampu

Não resolve, pois o xampu não fica tempo suficiente na cabeça para penetrar as vitaminas. O ideal é uma dieta equilibrada, capaz de fornecer essas vitaminas, que agirão de dentro para fora, e não o contrário.

Mito – Alongamentos estragam o cabelo

Deve se ter muito cuidado. O melhor processo é o feito com cabelo natural, que pode ser tingido, moldado e embaraça menos que o sintético, os problemas podem ocorrer na retirada do aplique. A cola utilizada sai com dificuldade. O cabeleireiro tem que ser muito cuidadoso.

E se esse processo for mal feito, há o risco de destruir os fios verdadeiros. O alongamento bem tratado não estraga os cabelos. O pente e o secador precisam passar longe das emendas de cola. O certo é que coloquem e retirem o alongamento com o mesmo profissional, para evitar danos.

Verdade – Problemas de saúde são os maiores causadores de queda

Anemia, alterações da tireóide, doenças reumatológicas, remédios para depressão ou emagrecimento, sangramentos, pílulas anticoncepcionais podem derrubar os fios. Assim como os períodos pós parto, cirurgias, infecções ou febres altas, o estresse, as dietas radicais e as alterações hormonais.

Mito – Cabelos longos caem mais

Os cabelos longos são mais visíveis e embaraçam entre si, após a queda, dando impressão

de maior quantidade de fios caídos.

Verdade – Água quente faz mal para os fios

Ela contribui para o aumento da seborreia e pode causar queda. Água muito quente estimula a produção das glândulas sebáceas. Mesmo no inverno, tome banho com água morna. O maior problema é associar a água quente com os detergentes agressivos presentes nos xampus. A combinação de água quente com xampu pode danificar os fios.

Não use água muito quente e deixe o xampu em contato com os cabelos o menor tempo possível. A conseqüência das altas temperaturas é a diminuição da oleosidade natural dos fios, que formam uma capa protetora.

Os Maiores Mitos e Verdades Sobre a Calvicie

Em termos: É preciso fazer hidratações semanais

Não é obrigatório, mas, depende do estado das madeixas. Se estiverem necessitando, sim. Cabelos sensibilisados, tingidos ou alisados necessitam de tratamentos intensivos e, neste caso, as máscaras e tratamentos profundos, são uma excelente alternativa.

Mito – Cortar cabelo considerando as fases da lua é bom.

As fases da lua nao influenciam os cabelos.

Verdade – Estresse pode causar calvície.

Esta situação ocorre quando o estresse é o fator primário da queda, que pode acontecer até um ano após o desgaste emocional. O estresse está presente também, com frequência, como fator desencadeante da causa genética.

Mito – É proibido lavar o cabelo todo dia

O hábito de lavar a cabeça diariamente é saudável porque vivemos em um país tropical, com temperaturas medianas quase o ano todo.

Em termos – É necessário usar xampu anti-resíduos

Se houver o uso de muitos produtos no cabelo, o anti-resíduos é essencial. Assim, o cabelo fica desintoxicado do excesso de química. Quem usa apenas xampus, condicionadores e cremes de hidratação, é indicado esse produto uma vez a cada 15 dias ou uma vez por mês.

Mito – Dormir com os cabelos molhados apodrece a raiz.

Dormir com o cabelo molhado, não é bom para o cabelo e nem para a saúde, pode pegar um resfriado.

Verdade – Alimentação influencia

A falta de nutrientes, como ferro e zinco, pode levar à queda. Uma alimentação balanceada especialmente rica em proteínas e vitaminas antioxidantes mantém os cabelos fortes e saudáveis. Dentre as mais importantes, estão as vitaminas A e C. Para o bom funcionamento das glândulas sebáceas e lubrificação dos fios, invista nas gorduras insaturadas, como o azeite de oliva.

Mito – Escova definitiva ou progressiva faz cair os cabelos

Se o procedimento for realizado por um profissional treinado e com produtos legalizados não há problemas. Realizar um teste prévio no fio é fundamental antes do procedimento.

Verdade – Prender o cabelo com força estraga os fios

Pessoas que têm os cabelos crespos e costumam prender com força, ao longo do tempo, podem perder os fios da parte da frente do couro cabeludo, pois os fios começam a nascer mais para trás . Essa tração prejudica não só a extensão dos fios, como a raiz. Para não ter problemas, amarrar os cabelos só quando estiverem secos e por pouco tempo.

Mito – Não existe tratamento que faça nascer cabelos

A medicina já tem condições de reverter a calvície,e quanto mais precoce for o tratamento, melhor será o resultado. Desconfie de tratamentos milagrosos e prometem resultados imediatos.

Em termos – A menopausa faz cair cabelos.

O período de menopausa é de ajuste natural da diminuição dos hormônios femininos, assim, poderá haver perda transitória dos fios de cabelo.

Verdade – A oleosidade natural do cabelo é o melhor hidratante que existe.

Conhecida cientificamente como emulsão epicutânea, é produzida no couro cabeludo e composta de gordura, água e sais minerais.

Mito – Os cabelos se acostumam com a utilização contínua de um mesmo xampu

Para cada couro cabeludo há uma indicação específica de xampu, oque acontece são os resíduos que acumulam, sendo necessário o uso do xampu anti-resíduos.

Verdade – A caspa favorece a queda.

Caspa excessiva e não tratada pode sim ocasionar queda.

Mito – O uso das perucas prejudica os cabelos

As perucas podem ser usadas, quando necessário, sem prejuizo para os cabelos e couro cabeludo.

Devem ser evitados os processos de entrelaçamento que tracionam os fios. As perucas devem ser lavadas e arejadas com frequência, evitando-se, assim, a contaminação por insetos ou fungos.

Por fim, recomendamos assistir a este vídeo que mostra algumas dicas sobre remedio para queda de cabelo:

Como Fazer Hidratação Nos Cabelos Ressecados

Tipos de Cabelos

Como Fazer Hidratação Nos Cabelos Ressecados

Os tipos de cabelos são definidos de acordo com o grau de oleosidade dos fios. Os cabelos secos têm fios quebradiços, fracos e sem brilho. Já os cabelos normais não apresentam nem excesso nem falta de oleosidade e, por isso mesmo, são os que necessitam de menos cuidados.

Os fios oleosos ficam com aparência de sujo e pesado muito facilmente, porque as glândulas sebáceas trabalham de modo excessivo, enquanto os cabelos do tipo misto têm couro cabeludo oleoso em contraste com pontas ressecadas.

Como Atacar os Problemas

Durante muitos anos, os especialistas nos disseram que era preciso descobrir que tipo de cabelo temos e, a partir daí, tratá-lo com o xampu e o condicionador adequado. Mas com o desenvolvimento tecnológico e o avanço das pesquisas, o conselho especializado mudou um pouco seu foco, passando a se concentrar mais na questão do tipo de dano e na hidratação.

Isso pode ser facilmente notado nas prateleiras de supermercados e farmácias onde encontramos produtos agora classificados de modo diferente – a partir do tipo de problema, como falta de volume, cabelo pesado, pontas danificadas etc.

Isso acontece porque hoje se sabe que a aparência do cabelo tem ligação direta com a estrutura básica dos fios, e a manutenção saudável e equilibrada desta estrutura. Cada fio de cabelo é composto por diversas escamas chamadas cutículas.

Um cabelo em boa forma tem essas escamas bem fechadas, enquanto um cabelo danificado tem escamas abertas, que resultam em perda de brilho e resistência.

Estrutura e Hidratação

Como Fazer Hidratação Nos Cabelos Ressecados

Assim como sua pele e corpo precisam de hidratação, seu cabelo também sofre com o ambiente (vento, nível de umidade do ar, sol, poluição…) e com o que você faz com ele (uso de secador, tinturas, uso de escovas e pentes etc). E tudo isso pode levar os fios a perderam sua aparência saudável. Eles ficam sem vida, opacos, sem brilho, sem graça, secos e quebradiços.

A estrutura de cada fio do seu cabelo é composta de três partes distintas. Existe a cutícula, que é a parte externa do fio e que protege o córtex, que é uma área que retém umidade e ainda protege a medula da fibra de cada fio do seu cabelo. Estas três camadas (ou seja, o fio) são compostas de quatro elementos: água, proteínas, lipídios e pigmentação.

A água é essencial se você deseja ter cabelos saudáveis e bonitos. Já a proteína é o que garante a força do fio, enquanto os lipídios atuam como protetores naturais da fibra e a pigmentação define a cor das madeixas.

Dicas Básicas de Hidratação dos Fios

Primeiro, é preciso deixar claro que todo tipo de cabelo precisa de hidratação. Em segundo lugar, vale a pena explicar que era verdade, sim: uma ou duas décadas atrás, os xampus eram às vezes fortes demais e acabavam tendo um certo efeito colateral sobre os cabelos. Mas isso já não acontece hoje em dia, pelo menos com os produtos de qualidade. As fórmulas atuais foram desenvolvidas para proteger e limpar. E aqui vai outra dica importante: não abuse do condicionador. Use na dose certa, ou você pode acabar sofrendo com seu cabelo ficando pesado e “morto”.

Informação Sem Limites

Para saber mais sobre como cuidar do seu cabelo, sobre as últimas novidades, descobertas científicas e lançamentos de produtos, você pode nos visitar regularmente ou, se preferir, pode assinar nosso serviço inteiramente grátis de RSS. Com ele, você passa a receber atualizações periódicas desta página, tendo acesso fácil e rápido a informação de qualidade sobre tudo que tem a ver com a beleza e a saúde dos seus cabelos.

Assista também a este vídeo que mostra como hidratar o cabelo em casa:

Como Fazer Aplique de Cabelo Com Fita Adesiva – Guia Passo a Passo

Esperar o cabelo crescer, para algumas mulheres é muito difícil, para aumentar o volume em cabelos ralos e para dar muito mais realce na beleza, os apliques de cabelo são grandes aliados.

As técnicas são variadas e feitas para se adequar a cada tipo de cabelo específico, pois nem todas as técnicas são indicadas ou adaptáveis por todas as mulheres, então vale a pena continuar lendo para saber mais sobre esta técnica de alongamento muito mais simples e fixa, garantindo que dure por mais de 6 meses.

Com uma manutenção constante e cuidados diários este aplique fixo que funciona com fita adesiva pode ser a resposta para seus problemas, sua funcionalidade é muito mais simples, exigindo menos da metade do tempo normalmente utilizado para o procedimento, em comparação com outros tipos de apliques fixos, uma grande vantagem para quem deseja pagar mais barato, pois por exigir menos trabalho, menos ferramentas específicas e menos mão de obra, o preço é bastante reduzido, ainda mais se você adquirir seu aplique separadamente da colocação.

É possível comprar através da internet este tipo de aplique, parcelar em várias vezes no cartão de crédito e também adquirir as fitas para a manutenção, se quiser pode até adquirir em conjunto o produto de remoção das suas mechas, que são necessárias para realizar as manutenções, mas atenção tenha cuidado com a marca escolhida, pois se não for de qualidade os cabelos poderão se soltar das fitas adesivas e você vai acabar ficando sem nenhum cabelo, então veja os comentários, pergunte bastante e tire todas as suas dívidas sobre a marca e até mesmo o site escolhido para a compra.

Como Fazer Aplique de Cabelo Com Fita Adesiva - Guia Passo a Passo

Nem todo mundo se adapta ao aplique de cabelo com fita adesiva, pessoas que tem bastante oleosidade nos cabelos se dão melhor com outros tipos de aplique, este aplique de fita adesiva se adapta melhor em cabelos lisos ou levemente ondulados e que não suem demais no couro cabeludo, o calor e os óleos produzidos naturalmente acabam reagindo com a fita, impedindo que ela cole apropriadamente no cabelo.

Por isso é tão importante consultar um cabeleireiro para que ele realize uma avaliação, indicando entre os diversos tipos de aplique para você, afinal, caso você adquira o aplique e depois veja que ele não se adequar perfeitamente para o seu cabelo, será difícil realizar a troca.

Se você comprar o seu aplique e descobrir que ele não se adaptou ao seu tipo de cabelo, não se preocupe, leve a um cabeleireiro e peça para que ele confeccione, com o cabelo do seu aplique, um novo, mas feito com a técnica do do aplique de cabelo tic tac, que, apesar de não ser uma solução fixa, você ainda poderá reutilizar suas mechas, sem ter que se desfazer da ideia de ter longos e volumosos cabelos.

Assim, você poderá ter os apliques feitos especialmente para a medida da sua cabeça, é uma solução ideal para quem ainda deseja ter os cabelos longos mas que não conseguiu se adaptar aos novos apliques de cabelo com fita adesiva.

Veja também esse vídeo da Rafaela Bittencourt que mostra como fazer aplique tic tac em casa:

Café é Bom ou Ruim Para os Cabelos? Conheça os Benefícios do Café – Review Exclusivo

Se você acompanhar a literatura médica, você poderá pensar que a resposta muda algumas vezes por ano. Diferentes estudos têm encontrado associação com diversas doenças, enquanto outros sugerem que as pessoas que tomam seu cafezinho todo dia tem melhor sobrevida. Tem alguns também que dizem que o café ajuda na prevenção da queda de cabelos.

Neste artigo vamos te mostrar em detalhes tudo que envolve os benefícios do café para nossa saúde como um todo.

Vamos lá…

Um novo estudo mostra que o café tem um efeito positivo em nossa saúde, mas também pode ajudar a explicar por que os estudos anteriores foram tão confusos.

Hábitos do Café

Café é Bom ou Ruim? Conheça os Benefícios do Café Neste Guia Completo

Como se vê, o consumo de café está associado a maus hábitos (principalmente fumo), se compensarmos estes fatores podemos realmente medir os benefícios ou malefícios.

Primeiro, você deve observar a maior limitação deste estudo: sua população foi recrutado exclusivamente da AARP (American Association of Retired Persons). Se você não está pensando em aposentadoria, você pode querer adiar até que vejamos mais a partir de um estudo com um público mais jovem.

AARP (Associação Americana de Aposentados) está aberta a qualquer pessoa acima de 50, assim que a população no início do estudo foi entre 50 e 71. No lado positivo, a quantidade de participantes foi enorme: mais de 400.000 indivíduos. E isso foi depois que os autores excluíram as pessoas que já tiveram câncer, doença cardíaca, e / ou acidentes vasculares cerebrais.

O levantamento inicial incluiu questões sobre o consumo de café, saúde e outros hábitos alimentares. Uma vez inscrito, os autores acompanharam os participantes durante 12 anos.

À primeira vista, as coisas não pareciam boas para o café, aqueles que participavam pareciam ter elevado risco de morte.

Mas ficou claro que a ingestão de café foi associada com alguns maus hábitos.

Bem, um monte de maus hábitos: Bebedores de café eram mais propensos a fumar cigarros e consumir mais de três bebidas alcoólicas por dia, consumiram mais carne vermelha. Também tendem a ter um menor nível de escolaridade, eram menos propensos a se engajar em atividades físicas vigorosas, e relataram níveis mais baixos de consumo de frutas, verduras e carne branca.

Os autores construíram um modelo estatístico que poderia compensar todos esses fatores e uma série de testes para determinar se a ingestão de café teve um efeito significativo na sobrevida.

Na verdade, uma vez que dividiram a população de acordo com o grau de ingestão: em cinco grupos, variando de menos de uma xícara até mais de seis por dia.

Veja os Resultados:

  • Com uma dose de café: a sobrevida de homens e mulheres subiu.
  • Com a ingestão de duas ou três xícaras diárias: a mortalidade caiu em cerca de 10 por cento, e ficou lá quando o consumo subiu ainda mais (o efeito foi ligeiramente mais acentuada nas mulheres).

O que está acontecendo?

Café é Bom ou Ruim? Conheça os Benefícios do Café Neste Guia Completo

Muitos estudos com café têm sugerido que o seu efeito estimulante teria um impacto sobre aqueles propensos a doenças cardíacas. O Café é carregado com antioxidantes, que parecem reduzir o dano celular. Das várias causas de morte, os autores analisaram, no entanto, o câncer era praticamente a única que não caiu quando o consumo de café subiu.

E os autores analisaram uma variedade de causas que diminuem com consumo do café: A doença cardíaca, doença respiratória, acidente vascular cerebral, lesões e acidentes, diabetes e infecções.

Existem algumas razões para levarmos este estudo a sério.

Uma série de outros estudos recentes (como mostrado em outros posts) têm mostrado um impacto semelhante sobre a mortalidade em bebedores de café e a maioria dos que envolveram uma população substancialmente mais nova, então o efeito não é limitado a simplesmente prolongar a vida dos indivíduos mais velhos. Além disso, a aparente dose-dependência evidencia que há um efeito real aqui.

Em última análise:

O que realmente tiraria todas as dúvidas seria a explicação efetiva dos mecanismos pelos quais o café atua. Os autores deste estudo também mostraram que existem mais de 1.000 compostos em uma mistura típica de café, e descobrir o que faz o que biologicamente não será uma coisa simples.

Até conseguirem explicar os mecanismos de ação do café você provavelmente pode estar ingerindo sem culpa. Apenas certifique-se que você não está fumando um cigarro ou comendo um cheeseburger com ele para que você possa evitar qualquer influencia negativa sobre os benefícios observados neste estudo.

Até a próxima!

Dicas Para Quem Tem Cabelos Finos e Quebradiços

Há muitas razões para ter cabelos finos e é sempre bom saber como realmente resolver a raiz do problema. Para alguns, pode ser hereditária e geneticamente nascida com cabelos finos. Outros podem ser devido a dieta desequilibrada, estresse, alterações hormonais, medicação ou idade.

Existem produtos para o cabelo que podem lhe dar cabelos volumosos. Mudar o penteado como cachos são apenas algumas das muitas maneiras de fazer você parecer que você também tem uma crina grossa.

DICAS PARA  CABELOS FINOS

Portanto, as maneiras mais diretas de reverter a condição é comer bem e ser feliz! Como diz o ditado, “você é o que você come”. Mantenha uma dieta saudável e equilibrada com proteínas, vitaminas, ácidos graxos ômega 3, feijão, frutas e vegetais.

O cabelo fino e fino tende a ser plano, macio e se agarra perto do seu rosto. Rejuvenesça suas tranças usando shampoo volubilizante e tratamento. Mantenha-se longe dos condicionadores, se possível, pois fazem seu cabelo se fechar na umidade e pesa ainda mais seu cabelo. Se você tem cabelos finos e secos, faça apenas um pouco de condição nas extremidades dos seus estandes.

Nem tudo é fácil, em seu cabelo com evite corantes para cabelo e quaisquer outros tratamentos químicos, pois podem ser muito duros e agressivo em seus cabelos frágeis. Se você precisa, pegue um bom cabeleireiro que entenda sua condição de cabelo ou lembre seu cabeleireiro para reduzir a quantidade de produtos químicos usados.

Dito isto, não é fácil transformar cabelos finos e finos em pelos grosso e lustrosos totalmente. Especialmente se é devido a genética, medicação, hormônios ou idade. Não podemos ir contra eles, mas podemos aprender a gerenciá-los!

Permanecer feliz e otimista também é importante. Tipos de vida estressantes não só lhe são causas de cabelos brancos, mas também dilui o cabelo. Aprenda a relaxar e manter o seu humor e seu cabelo também estará cheio.

Procure penteados mais adequados: menos em camadas, de forma curta a média e com forma de bala. Claro, isso também depende da forma e características do rosto do indivíduo. Adicionar camadas ao seu cabelo é uma excelente maneira de fazer seu cabelo parecer mais espesso, além de adicionar franjas curtas e pesadas.

Tenha em mente que quanto mais baixas as camadas começarem, mais denso será seu cabelo. Escolher um olhar emplumado também é uma boa ideia para mostrar o seu rosto.

Se você escolher uma dessas opções, no entanto, é importante agendar cortes de manutenção de rotina para suas camadas e explosões para manter o seu penteado fresco e o mais grosso possível. Investir em alguns destaques ou lowlights também pode ser eficaz, pois isso adiciona mais dimensão ao seu cabelo.

Os cabelos finos podem levar a outras condições como danificação e perda de cabelo. Isso pode ser evitado se você exercer rotinas de cabelo adequadas. No entanto, se os problemas persistirem, é aconselhável que você visite um especialista em cabelo para descobrir mais.

Por hoje é isso.

Esperamos que tenha gostado das dicas para cuidar dos cabelos.

Até a próxima!

Como Aumentar a Produtividade Com a Técnica Pomodoro

Como Aumentar a Produtividade Com a Técnica Pomodoro

Hoje você irá aprender aqui no blog a técnica do Pomodoro foi criada em 1992 por Francesco Cirillo. Durante o tempo de faculdade, ele tinha muita dificuldade para se concentrar. Depois de olhar para o temporizador da mãe dele que estava em cima da geladeira, ele imaginou se poderia usar aquele temporizador com formato de tomate (pomodoro em italiano) para estudar sem parar durante 10 minutos.

Para isso, pegou o timer em formato de tomate e marcou os dez minutos. E para sua surpresa, ele conseguiu ler sem parar durante aqueles dez minutos. Depois de vários estudos e de tentar melhorar o seu método, Cirillo conseguiu chegar a uma técnica que o permitiu ser um estudante muito mais produtivo.

Como Usar a Técnica Pomodoro

Você deve fazer uma lista do que precisa fazer. Você pode usar o seu temporizador se tiver um em casa. Mas se não tiver, você pode instalar um temporizador digital no seu celular, ou usar um online pelo computador. Depois que ler esse post, você pode acessar os links desses temporizadores digitais e fazer o download deles, no campo de downloads que está logo aqui abaixo.

Coloque o temporizador para tocar o alarme em 25 minutos e trabalhe na sua tarefa. Quando o timer tocar, faça uma pausa curta (5 minutos) e parta para mais um período de estudo de 25 minutos. A cada quatro períodos de estudo, ou a cada quatro “pomodoros”, faça uma pausa mais longa.

Se durante o tempo de 25 minutos do timer, você tiver uma ideia ou se lembrar de outra coisa que precisa fazer (e com certeza isso vai acontecer – vai por mim rs), não interrompa o seu estudo nem para olhar nas redes sociais com o Twitter, por exemplo, que toma muito o nosso tempo.

Anote para lembrar depois e continue sua tarefa. Ao anotar essas atividades que apareceram durante o estudo, percebemos que muitas vezes a falta de concentração ocorre apenas porque permitimos que pensamentos paralelos nos distraiam.

Após o término do ciclo, ou seja, durante os intervalos de descanso, é possível avaliar melhor a “lista de atividades paralelas” e perceber que grande parte dos itens marcados ali não é urgente e realmente não valeria a interrupção. Utilize essa lista paralela como instrumento de aprendizagem e de auto avaliação, para que, futuramente, você consiga eliminar os maus hábitos durante suas tarefas.

Pois muitas vezes, paramos para fazer algo que lembramos, e depois percebemos que isso nem era tão importante assim, e que acabamos apenas interrompendo o estudo, quebrando a concentração.

Como Aumentar a Produtividade De Forma Efetiva

Como Aumentar a Produtividade Com a Técnica Pomodoro

Para praticar essa técnica você poderá usar um cronômetro simples, marcando os períodos de estudo e de descanso.

Outra alternativa bastante prática é baixar para o seu celular algum aplicativo que ofereça essa função. E normalmente nesses aplicativos você pode definir o período que quiser para estudo.

Além disso, você pode acompanhar o seu desempenho com as opções de estatísticas que eles oferecem. O interessante é que você adapte a técnica ao seu ritmo de estudo. Faça testes e descubra qual o tempo ideal para cada ciclo de trabalho com essa técnica.

A ideia mais importante aqui é a regra de ouro de todas as técnicas: o melhor sistema de produtividade é aquele que funcionar melhor para você.

Descubra qual técnica funciona melhor para você, experimente novas técnicas também. Além disso, não se esqueça de que a concentração é algo que qualquer pessoa pode alcançar através da prática.

Neste vídeo tem mais dicas para aumentar a produtividade:

Treine bastante a técnica que você escolher. Criando um conjunto forte de técnicas, interesse e motivação, com certeza você vai conseguir realizar qualquer tarefa. 😉

Blz? Agora que você já sabe, vai lá e faz, combinado?

Até o próximo artigo!

Os Top 10 Alimentos Contra Queda de Cabelo – Guia Completo

Reunimos nesse artigo 10 alimentos que ajudam a conter a queda de cabelo e fortalecem o couro cabeludo.

1. Laranja

A laranja possui a pectina,muito benéfica para o cabelo e que fica na parte branca que envolve os gomos.É nesse local que concentram-se as fibras que ajudam a retirar as toxinas do organismo, toxinas em excesso contribuem para aumentar a caspa e a oleosidade do cabelo.

Consumo recomendado : 1 unidade por dia.

2. Morango

O morango contem vitamina C e vários flavonoides que são substâncias ativadoras da microcirculação sanguínea no couro cabeludo,provocando um crescimento mais rápido do cabelo,aumentando a resistência e reduzindo o ressecamento, quebra e no tratamento para queda de cabelo.

Consumo recomendado : 1 xícara de chá por dia.

3. Iogurte magro

O Iogurte possui aminoácidos fortalecedores  da fibra capilar e também vitaminas do complexo B. As vitaminas favorecem o depósito de queratina no fio de cabelo,alem de deixar ele mais  resistente e encorpado.

Consumo recomendado :1 copo (200 ml) por dia.

4. Cenoura

Dentre os nutrientes da cenoura podemos destacar 2 deles muito benéficos para o cabelo,são eles a vitamina A e o betacaroteno. No caso da vitamina A ela nutre as células do couro cabeludo, interferindo na produção da oleosidade natural do fio de cabelo.

Já o betacaroteno é um antioxidante muito eficiente no combate a ação dos radicais livres,evitando a queda de cabelo e a perda dos pigmentos que acabaria ocasionando o cabelo grisalho.

Consumo recomendado : 1 unidade por dia

5. Aveia

O grão da aveia contém outro mineral importante para o cabelo que é o silício. Ele é capaz de estruturar a queratina que nada mais é que a proteína que forma o cabelo. A aveia possui ainda zinco e vitaminas do complexo B . O zinco ajuda durante o controle das mudanças hormonais, que podem levar à queda de cabelo e aos fios brancos antes do tempo,as vitaminas do complexo B  potencializam a multiplicação das células do bulbo capilar, o que favorece o crescimento do cabelo

Consumo recomendado : 1 colher de sopa por dia

6. Salmão

O salmão possui uma proteína de qualidade excelente,alem de grande quantidade de ômega 3, ácido graxo e selênio. Esses componentes tem a capacidade de combater inflamações, proteger o couro cabeludo de radiação ultravioleta e melhorar a circulação e chegada dos nutrientes no bulbo capilar. O frango e a carne vermelha também são boas opções de proteína magra.

Consumo recomendado: 1 filé médio 3 três vezes por semana no minimo.

7. Soja

A soja também possui grande quantidade de proteína, nutriente essencial para o cabelo. Quando há baixa quantidade de proteína no nosso organismo a produção de novos fios fica muito comprometida prejudicando a reposição dos fios de cabelo que caíram.

Isso acaba alterando também o pigmento e a textura das mechas do cabelo, ocasionando perda na intensidade da cor,falta de brilho,secura,tornando ainda os cabelos finos e fracos. Outro beneficio da soja para o cabelo é a biotina, um nutriente muito importante para desenvolver o folículo piloso, prevenindo que o cabelo fique quebradiço.

Consumo recomendado : 3 colheres de sopa por dia.

8. Espinafre

O espinafre contem muito ferro,esse mineral participa da formação dos glóbulos vermelhos, nutrindo os folículos capilares.Quando há falta de ferro  o cabelo perde o brilho,fica ressecado,fraco e pode ate haver queda de cabelo. O espinafre também é rico em clorofila, que ajuda a equilibrar o nível de oleosidade do couro cabeludo, fortalecendo a raiz e normalizando o ciclo de crescimento dos fios.

Consumo recomendado : 1 prato de sobremesa por dia

9. Agrião

O agrião é uma hortaliça que fornece MSM, ou seja a forma biodisponível do enxofre. Esse mineral é necessário para a produção e manutenção da queratina. Tem também propriedade anti-inflamatória e ajuda a evitar a caspa.

Consumo recomendado :1 xícara de chá por dia.

10. Castanha-do-pará

A castanha do Pará é uma fruta oleaginosa de consumo recomendado,possui o zinco na sua composição,a falta do zinco deixa o cabelo opaco, quebradiço e fino .Sua ingestão proporciona melhor desenvolvimento e crescimento capilar,reduzindo também a oleosidade em excesso e prevenindo a descamação do couro cabeludo.

Consumo recomendado : 2 unidades por dia.
Para conhecer conteúdos adicionais sobre o assunto, saiba mais aqui sobre outros tratamentos para queda de cabelo para você ter uma vida muito mais motivada.

O Que é Bom Para Queda de Cabelo e Principais Mitos da Calvicie

É comum ouvirmos opiniões e dicas para evitar a queda de cabelo descubra a seguir 10 delas que são apenas mitos

#1 – APARAR AS PONTAS FORTALECE OS FIOS

O corte apenas elimina as pontas duplas, essa é uma crença popular mas que não
passa de mito! É bom sim, para manter o cabelo saudável, com um aspecto bonito
mas não interfere no crescimento ou queda de cabelo.

#2 – CORTAR COM A LUA CRESCENTE FAZ CRESCER O CABELO

Mais uma crença popular mas que nunca foi comprovada cientificamente.

Se você acredita vá em frente porque mal não vai fazer.

#3 – NÃO PODE LAVAR OS CABELOS TODOS OS DIAS

O que leva a queda de cabelo são diversos outros fatores e não a lavagem diária.
Pelo contrário, cabelos sujos com oleosidade tendem a cair mais facilmente

#4 – USAR APLIQUES FAZ CAIR O CABELO

Se o aplique for bem realizado e não forçar o couro cabeludo, não provocará
nenhuma queda de cabelo. Logicamente o cuidado com o cabelo natural e com
o aplique são importantes para manter o couro cabeludo saudável.

#5 – COLORIR O CABELO FAZ OS FIOS CAÍREM

Outra mentira, a maioria dos produtos são testados em laboratório antes de serem
utilizados pelos consumidores. Desde que você compre produtos de marcas sérias,
não irá aumentar a queda de cabelo devido a tintura ou coisas do tipo.

#6 – USAR SHAMPOO MAIS DE UMA VEZ AO DIA PROVOCA QUEDA DE CABELO

Mais um mito popular, os cabelos podem ser lavados mais de uma vez ao dia que

não há problema, porém uma lavagem já é suficiente.

#7 – FICAR NO SOL AUMENTA A QUEDA DE CABELO

Não interfere em nada, apenas na tonalidade dos fios. Quem tem cabelos claros
pode ter os fios mais clareados e ressecados. Por isso é recomendável fazer hidratações
no caso de longas exposições ao sol.

#8 – USAR CHAPÉU OU BONÉ PROVOCA QUEDA DE CABELO

Se você tiver cabelos saudáveis e o boné ou chapéu estiver regulado corretamente
não há problema nenhum em usar. Porém se você tiver cabelos com seborreia,
muito oleosos e ficar com boné ou chapéu durante muito tempo, aí sim o abafamento
pode provocar a calvicie.

#9 – NÃO PODE USAR GEL NO CABELO

É bom evitar dormir com o cabelo com gel, mas o gel é passado na superfície dos
cabelos por esse motivo não afeta e não prejudica a raiz, essa é mais uma mentira
sobre queda de cabelo que principalmente os homens acreditam.

#10 – USAR ÁGUA QUENTE FAZ CAIR O CABELO

Mais uma vez, se você tiver os cabelos saudáveis não tem problema nenhum, mas
como no caso do boné ou chapéu, se você tiver seborreia ou caspa, a água quente
vai estimular a oleosidade do couro cabeludo e agravar o problema, gerando a
queda de cabelo.
Mas se mesmo com todos estes cuidados você ainda sofrer com Queda de Cabelo, clique aqui e veja um Método Natural e Saudável para resolver de vez este problema e confira o melhor remedio para queda de cabelo para eliminar de uma vez por todas seu problema com a queda de cabelos.