Café é Bom ou Ruim? Conheça os Benefícios do Café – Review Exclusivo

Se você acompanhar a literatura médica, você poderá pensar que a resposta muda algumas vezes por ano. Diferentes estudos têm encontrado associação com diversas doenças, enquanto outros sugerem que as pessoas que tomam seu cafezinho todo dia tem melhor sobrevida.

Agora, um novo estudo mostra que o café tem um efeito positivo em nossa saúde, mas também pode ajudar a explicar por que os estudos anteriores foram tão confusos.

Hábitos do Café

Café é Bom ou Ruim? Conheça os Benefícios do Café Neste Guia Completo

Como se vê, o consumo de café está associado a maus hábitos (principalmente fumo), se compensarmos estes fatores podemos realmente medir os benefícios ou malefícios.

Primeiro, você deve observar a maior limitação deste estudo: sua população foi recrutado exclusivamente da AARP (American Association of Retired Persons). Se você não está pensando em aposentadoria, você pode querer adiar até que vejamos mais a partir de um estudo com um público mais jovem.

AARP (Associação Americana de Aposentados) está aberta a qualquer pessoa acima de 50, assim que a população no início do estudo foi entre 50 e 71. No lado positivo, a quantidade de participantes foi enorme: mais de 400.000 indivíduos. E isso foi depois que os autores excluíram as pessoas que já tiveram câncer, doença cardíaca, e / ou acidentes vasculares cerebrais.

O levantamento inicial incluiu questões sobre o consumo de café, saúde e outros hábitos alimentares. Uma vez inscrito, os autores acompanharam os participantes durante 12 anos.

À primeira vista, as coisas não pareciam boas para o café, aqueles que participavam pareciam ter elevado risco de morte.

Mas ficou claro que a ingestão de café foi associada com alguns maus hábitos.

Bem, um monte de maus hábitos: Bebedores de café eram mais propensos a fumar cigarros e consumir mais de três bebidas alcoólicas por dia, consumiram mais carne vermelha. Também tendem a ter um menor nível de escolaridade, eram menos propensos a se engajar em atividades físicas vigorosas, e relataram níveis mais baixos de consumo de frutas, verduras e carne branca.

Os autores construíram um modelo estatístico que poderia compensar todos esses fatores e uma série de testes para determinar se a ingestão de café teve um efeito significativo na sobrevida.

Na verdade, uma vez que dividiram a população de acordo com o grau de ingestão: em cinco grupos, variando de menos de uma xícara até mais de seis por dia.

Veja os Resultados:

  • Com uma dose de café: a sobrevida de homens e mulheres subiu.
  • Com a ingestão de duas ou três xícaras diárias: a mortalidade caiu em cerca de 10 por cento, e ficou lá quando o consumo subiu ainda mais (o efeito foi ligeiramente mais acentuada nas mulheres).

O que está acontecendo?

Café é Bom ou Ruim? Conheça os Benefícios do Café Neste Guia Completo

Muitos estudos com café têm sugerido que o seu efeito estimulante teria um impacto sobre aqueles propensos a doenças cardíacas. O Café é carregado com antioxidantes, que parecem reduzir o dano celular. Das várias causas de morte, os autores analisaram, no entanto, o câncer era praticamente a única que não caiu quando o consumo de café subiu.

E os autores analisaram uma variedade de causas que diminuem com consumo do café: A doença cardíaca, doença respiratória, acidente vascular cerebral, lesões e acidentes, diabetes e infecções.

Existem algumas razões para levarmos este estudo a sério.

Uma série de outros estudos recentes (como mostrado em outros posts) têm mostrado um impacto semelhante sobre a mortalidade em bebedores de café e a maioria dos que envolveram uma população substancialmente mais nova, então o efeito não é limitado a simplesmente prolongar a vida dos indivíduos mais velhos. Além disso, a aparente dose-dependência evidencia que há um efeito real aqui.

Em última análise:

O que realmente tiraria todas as dúvidas seria a explicação efetiva dos mecanismos pelos quais o café atua. Os autores deste estudo também mostraram que existem mais de 1.000 compostos em uma mistura típica de café, e descobrir o que faz o que biologicamente não será uma coisa simples.

Até conseguirem explicar os mecanismos de ação do café você provavelmente pode estar ingerindo sem culpa. Apenas certifique-se que você não está fumando um cigarro ou comendo um cheeseburger com ele para que você possa evitar qualquer influencia negativa sobre os benefícios observados neste estudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*